Ecocardiograma Transtorácico (Ecodopplercardiograma)

Sobre o Exame

O ecocardiograma ou ecodopplercardiograma, avalia o coração através do ultrassom, sendo um exame não-invasivo, indolor e geralmente rápido. O ecocardiograma é hoje um dos principais e mais utilizados recursos da cardiologia.

 

Por que fazer?

O ecocardiograma permite ao médico avaliar aspectos anatômicos e funcionais tanto das paredes quanto das cavidades cardíacas (tamanho das cavidades, espessuras das paredes, movimentação das válvulas cardíacas, etc.), bem como de aspectos funcionais do coração. Associado ao Doppler, permite também avaliar o fluxo sanguíneo através das válvulas do coração e entre as cavidades cardíacas.

 

Quando fazer?

É utilizado para estabelecer o diagnóstico e o grau de gravidade de quase todas as afecções cardíacas e para o planejamento terapêutico e prognóstico delas. Quase sempre o exame é empregado na avaliação dos pacientes com sopro cardíaco, sintomas de palpitação, síncope, falta de ar, dor torácica ou nos portadores de diversas doenças cardíacas, tais como doenças do músculo cardíaco, insuficiência cardíaca, doenças das válvulas do coração, anomalias congênitas, entre outras.

 

Quais as contra-indicações?

Não existem contra-indicações para o ecocardiograma transtoracico. Pacientes confusos ou crianças podem ter dificuldade de permanecer deitados para a execução do mesmo, podendo ser necessária a sedação leve dos mesmos.

 

Como é realizado?

Paciente deitado sobre seu lado esquerdo (salvo limitações), um pequeno transdutor coberto de gel é posicionado no tórax, direcionando o ultrassom para os locais pré-determinados. Dura de alguns minutos até cerca de 20 minutos.

Clique aqui e agende sua consulta
Há 17 anos atuando no mercado
17

Há 17 anos atuando no mercado

431500

Mais de 431.500 exames realizados

103000

Mais de 103.000 pacientes atendidos

15

Convênios atendidos